(35) 3713-2218 / (35) 98866-1902

Bula do Medicamento Cardalin Retard

Cardalin Retard - Bula do remédio

Cardalin Retard com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Cardalin Retard têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Cardalin Retard devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

A 4Medic não vende nenhum tipo de medicamento

Laboratório

Solvay

Referência

Nifedipino Retard

Apresentação de Cardalin Retard

compr. retard 20 mg cx. c/ 30 un.

Cardalin Retard - Indicações

CARDALIN® RETARD é indicado para o tratamento da pressão alta e da doença coronária.

Contra-indicações de Cardalin Retard

Hipersensibilidade ao nifedipino ou a qualquer um dos componentes da fórmula. Contraindicado durante a gestação.

Advertências

CARDALIN® RETARD deve ser usado com precaução nos seguintes casos: · Pacientes que sofrem de pressão muito baixa ou de mau funcionamento do coração, o que os médicos chamam de insuficiência cardíaca, ou pessoas que tenham estreitamento da artéria aorta, conhecido pelos médicos como estenose aórtica grave. · Doença no fígado, pois neste caso poderá ser necessário reduzir a dose do medicamento. Precauções Nota: O nifedipino pode ser a causa de insucesso na fertilização artificial em homens que estejam tomando o medicamento e não apresentem outras causas que justifiquem esse insucesso. Dirigir veículos e trabalhar com máquinas: CARDALIN® RETARD pode provocar reações de fadiga ou tonturas que podem alterar a capacidade de dirigir um veículo ou de trabalhar com máquinas. Essas reações poderão ser mais acentuadas no início do tratamento ou quando se ingerem bebidas alcoólicas. INFORME AO MÉDICO O APARECIMENTO DE REAÇÕES INDESEJÁVEIS. INFORME O SEU MÉDICO SE VOCÊ ESTIVER UTILIZANDO OU SE UTILIZOU RECENTEMENTE OUTROS MEDICAMENTOS, INCLUSIVE MEDICAMENTOS SEM RECEITA MÉDICA.

Uso na gravidez de Cardalin Retard

Durante a gravidez e a amamentação, exceto sob orientação médica. Informe ao seu médico caso ocorra gravidez ou início de amamentação durante o uso deste medicamento.

Interações medicamentosas de Cardalin Retard

A seguir mencionam-se alguns medicamentos que podem ter seu efeito alterado se tomados com CARDALIN® RETARD, ou que podem influenciar o efeito de CARDALIN® RETARD: - Outros medicamentos para o tratamento da pressão alta podem aumentar o efeito de CARDALIN® RETARD. - Medicamentos conhecidos como betabloqueadores, usados para tratar a pressão alta e para tratar algumas doenças do coração, podem provocar queda muito forte da pressão ou piorar o funcionamento do coração. · Digoxina: usada para tratar doenças do coração, pode ter seu efeito aumentado. · Quinidina: usada para o tratamento das alterações das batidas do coração - pode ser necessário ajustar sua dose ao se iniciar ou ao terminar o tratamento com CARDALIN® RETARD. · Quinupristina/dalfopristina (antibióticos): aumentam o efeito do nifedipino. · Cimetidina: usada no tratamento de úlceras do estômago ou do intestino, aumenta o efeito do nifedipino. · Rifampicina (antibiótico): não se pode utilizar em conjunto com CARDALIN® RETARD, pois reduz o efeito do nifedipino. · Diltiazem: usado no tratamento de certas doenças cardiovasculares - recomenda-se precaução na utilização em conjunto com nifedipino. · Fenitoína: usada no tratamento de convulsões, reduz a eficácia do nifedipino. · Cisaprida: usada no tratamento de certas doenças do estômago e do intestino, pode aumentar o efeito do nifedipino. Informe igualmente o seu médico caso esteja tomando medicamentos contendo: - eritromicina (antibiótico); - fluoxetina e nefazodona (antidepressivos); - amprenavir, indinavir, nelfinavir, ritonavir e saquinavir (antivirais); - cetoconazol, itraconazol e fluconazol (antifúngicos); - tacrolimo (usado em doentes transplantados); - carbamazepina, fenobarbital e ácido valpróico (antiepilépticos). Você não deve beber suco de toronja (grapefruit) enquanto estiver em tratamento com CARDALIN® RETARD, pois poderá ocorrer uma queda maior da pressão. NÃO USE MEDICAMENTO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO. PODE SER PERIGOSO PARA A SUA SAÚDE.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Cardalin Retard

No início do tratamento podem ser observadas algumas reações adversas, de pequena importância, e que tendem a desaparecer com a continuidade do tratamento. Foram descritas: cefaléia (7,2%) e sensação de calor e vermelhidão no rosto (5,3%). Também podem ocorrer, com incidência de 3% ou menos, náuseas, vertigens, distúrbios gastrintestinais, edema periférico e palpitações.

Cardalin Retard - Posologia

Dose inicial: 1 comprimido de doze em doze horas. Casos especiais: 2 comprimidos de oito em oito horas.

Superdosagem

Se alguém se intoxicar com uma dose excessiva de nifedipino, poderá apresentar os seguintes sintomas: perturbações da consciência, podendo entrar em coma, queda da pressão, alteração dos batimentos do coração, aumento do açúcar no sangue, desequilíbrio metabólico, falta de oxigênio no organismo, choque causado pelo mau funcionamento do coração e acúmulo de líquido nos pulmões. O tratamento deverá ser feito no hospital. No caso de superdose, contate seu médico ou o hospital mais próximo. Se possível, leve a embalagem com os comprimidos ao hospital.

Características farmacológicas

CARDALIN® RETARD comprimidos não tem cheiro.

Resultados de eficácia

CARDALIN® RETARD contém a substância ativa nifedipino. O nifedipino pertence a um grupo de substâncias conhecidas como antagonistas do cálcio. Sua atividade mais importante é dilatar os vasos sangüíneos, diminuindo a resistência à passagem do sangue. Assim, o sangue corre mais livre pelas veias e artérias, e isso faz diminuir a pressão. O tratamento da pressão alta diminui o risco de ocorrerem complicações no coração, no cérebro e nos vasos sangüíneos. O nifedipino serve também para tratar a dor no peito conhecida como angina do peito da doença coronária, porque essa substância ativa faz com que chegue mais sangue ao coração.

Modo de usar

Os comprimidos devem ser tomados com um intervalo de 12 horas, não devendo esse intervalo ser menor que 4 horas. O comprimido deve ser engolido com um pouco de líquido, podendo ser tomado com uma refeição ou não. ESTE MEDICAMENTO NÃO DEVE SER PARTIDO OU MASTIGADO. CARDALIN® RETARD destina-se a tratamentos prolongados. O seu médico dirá exatamente durante quanto tempo você deverá tomar CARDALIN® RETARD. Se você se esqueceu de tomar uma ou mais doses, não tome outra dose para compensar a dose esquecida. Aguarde até o momento da próxima dose e continue normalmente o tratamento. Fale com o seu médico se tiver impressão de que CARDALIN® RETARD é demasiado forte ou demasiado fraco. Não tome mais comprimidos do que aqueles que o médico receitou.

Uso em idosos, crianças e em outros grupos de risco

ESTE MEDICAMENTO É CONTRA-INDICADO PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES.

Armazenagem

Os comprimidos devem ser tomados com um intervalo de 12 horas, não devendo esse intervalo ser menor que 4 horas. O comprimido deve ser engolido com um pouco de líquido, podendo ser tomado com uma refeição ou não.

Cardalin Retard - Informações

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA? CARDALIN® RETARD contém a substância ativa nifedipino. O nifedipino pertence a um grupo de substâncias conhecidas como antagonistas do cálcio. Sua atividade mais importante é dilatar os vasos sangüíneos, diminuindo a resistência à passagem do sangue. Assim, o sangue corre mais livre pelas veias e artérias, e isso faz diminuir a pressão. O tratamento da pressão alta diminui o risco de ocorrerem complicações no coração, no cérebro e nos vasos sangüíneos. O nifedipino serve também para tratar a dor no peito conhecida como angina do peito da doença coronária, porque essa substância ativa faz com que chegue mais sangue ao coração. POR QUE ESTE MEDICAMENTO FOI INDICADO? CARDALIN® RETARD é indicado para o tratamento da pressão alta e da doença coronária. QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO? Contra-indicações CARDALIN® RETARD não deve ser usado nas situações abaixo: · Alergia ao nifedipino ou a qualquer dos outros ingredientes do medicamento. Caso haja dúvida com relação a ter tido ou não qualquer alergia devida ao nifedipino, consulte seu médico. · Em caso de choque de origem cardíaca. · Paciente fazendo uso do antibiótico rifampicina, que é um medicamento que combate infecções. · Durante a gravidez e a amamentação, exceto sob orientação médica. Informe ao seu médico caso ocorra gravidez ou início de amamentação durante o uso deste medicamento. ESTE MEDICAMENTO É CONTRA-INDICADO PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES. Advertências CARDALIN® RETARD deve ser usado com precaução nos seguintes casos: · Pacientes que sofrem de pressão muito baixa ou de mau funcionamento do coração, o que os médicos chamam de insuficiência cardíaca, ou pessoas que tenham estreitamento da artéria aorta, conhecido pelos médicos como estenose aórtica grave. · Doença no fígado, pois neste caso poderá ser necessário reduzir a dose do medicamento. Precauções Nota: O nifedipino pode ser a causa de insucesso na fertilização artificial em homens que estejam tomando o medicamento e não apresentem outras causas que justifiquem esse insucesso. Dirigir veículos e trabalhar com máquinas: CARDALIN® RETARD pode provocar reações de fadiga ou tonturas que podem alterar a capacidade de dirigir um veículo ou de trabalhar com máquinas. Essas reações poderão ser mais acentuadas no início do tratamento ou quando se ingerem bebidas alcoólicas. INFORME AO MÉDICO O APARECIMENTO DE REAÇÕES INDESEJÁVEIS. INFORME O SEU MÉDICO SE VOCÊ ESTIVER UTILIZANDO OU SE UTILIZOU RECENTEMENTE OUTROS MEDICAMENTOS, INCLUSIVE MEDICAMENTOS SEM RECEITA MÉDICA.

Dizeres legais

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA Reg. MS-1.0082.0008 Farm. Resp.: Dr. Rogério M. Massonetto CRF-SP no 22.965 Fabricado por Bayer S.A. Rua Domingos Jorge, 1.000 - São Paulo, SP CNPJ 14.372.981/0001-02 - Indústria Brasileira Lote, datas de fabricação e validade: vide cartucho

Bulário Eletrônico

Bulário 4medic, contém tudo o que é preciso saber sobre o remédio como indicações, dosagem/posologia, efeitos colaterais, contraindicações, advertências, precauções e armazenamento de forma simples e intuitiva.