(35) 3713-2218 / (35) 98866-1902

Bula do Medicamento Locorten-viofórmio

Locorten-viofórmio - Bula do remédio

Locorten-viofórmio com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Locorten-viofórmio têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Locorten-viofórmio devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

A 4Medic não vende nenhum tipo de medicamento

Laboratório

Novartis

Apresentação de Locorten-viofórmio

Creme e pom.. Tubos c/ 15g (peso líquido). As formas creme e pom. contém 0,02% de pivalato de flumetasona e 3% de clioquinol; excipiente q.s.

Locorten-viofórmio - Indicações

Tratamento inicial de doenças inflamatórias da pele de vários tipos e localizações responsivas a corticosteróides nas quais tenham ocorrido infecções secundárias com microorganismos sensíveis ao clioquinol, como por exemplo: - eczema seborréico, eczema de contato, dermatite atópica (em pacientes de todas as idades), neurodermatite localizada; ? intertrigo; ? formas superficiais de pioderma (por exemplo: impetigo) e de dermatomicose onde a inflamação aguda é característica proeminente ? ferroadas e picadas de insetos infeccionadas secundariamente

Contra-indicações de Locorten-viofórmio

Afecções virais da pele (por exemplo: varicela, erupções cutâneas após vacinação, herpes simples, herpes zóster), sífilis, tuberculose cutânea, rosácea, dermatite peroral, acne simples; aplicação nos olhos; hipersensibilidade ao pivalato de flumetasona ou a corticosteróides em geral; hipersensibilidade conhecida ao clioquinol, hidroxiquinolinas e outros derivados da quinolina; hipersensibilidade ao iodo bem como aos outros componentes de Locorten-viofórmio; uso em crianças com menos de 2 anos de idade.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Locorten-viofórmio

Ocasionalmente, no local da aplicação sinais de irritação tais como sensação de queimação, prurido ou erupção cutânea; reações de hipersensibilidade; em casos isolados foi também observada atrofia cutânea leve devida ao pivalato de flumetasona. O tratamento deve ser descontinuado se surgir irritação severa ou sensibilização. Outras reações adversas locais relatadas durante tratamentos tópicos com glicocorticóides incluem, por exemplo, alergia de contato, mudanças na pigmentação da pele ou infecções secundárias. Os glicocorticóides podem também causar estrias rubras de distensão, telangiectasia, púrpura ou acne esteróide, especialmente após aplicações por períodos prolongados de tempo em áreas extensas da pele na forma de curativos oclusivos, ou em áreas nas quais a pele é muito permeável (por exemplo: face, axilas).

Locorten-viofórmio - Posologia

Locorten-viofórmio deve ser aplicado sobre as áreas afetadas em camada fina, 2 a 3 vezes ao dia, dependendo da severidade da doença. O produto pode ser aplicado com leve fricção. Não são necessários curativos protetores. Curativos oclusivos não devem ser empregados na presença de infecções cutâneas e em virtude da possibilidade de um aumento do ILP (ver também Precauções).

Locorten-viofórmio - Informações

O pivalato de flumetasona é um glicocorticóide de potência moderada, adequado para aplicação tópica, que exerce os efeitos antiinflamatório, antialérgico, vasoconstritor e antiproliferativo. Locorten-viofórmio proporciona alívio rápido e elimina o prurido de doenças inflamatórias da pele de vários tipos e origens. Os efeitos múltiplos exercidos pelos glicocorticóides são atribuídos a um mecanismo molecular complexo no qual ligação a receptores citoplasmáticos específicos também é importante. O clioquinol, componente antimicrobiano de Locorten-viofórmio, é ativo contra um grande espectro de microorganismos patogênicos, incluindo fungos (por exemplo, Candida, Microsporum, Tricofitum) e bactérias gram-positivas (por exemplo, estafilococos). O clioquinol tem apenas um leve efeito inibidor sobre as bactérias gram-negativas. O clioquinol exerce ação bacteriostática ao invés de bactericida.

Bulário Eletrônico

Bulário 4medic, contém tudo o que é preciso saber sobre o remédio como indicações, dosagem/posologia, efeitos colaterais, contraindicações, advertências, precauções e armazenamento de forma simples e intuitiva.