(35) 3713-2218 / (35) 98866-1902

Bula do Medicamento Luftal Max

Luftal Max - Bula do remédio

Luftal Max com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Luftal Max têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Luftal Max devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

A 4Medic não vende nenhum tipo de medicamento

Laboratório

Bristol

Referência

Dimeticona

Apresentação de Luftal Max

emb. c/ 10 compr. mastigáveis de 125 mg. emb. c/ 10 ou 20 cáps. gelatinosas de 125mg.

Luftal Max - Indicações

Luftal Max é indicado para o alívio dos sintomas no caso de excesso de gases no aparelho gastrintestinal constituindo motivo de dores ou cólicas intestinais, tais como: - Meteorismo - Eructação - Borborigmos - Aerofagia pós cirúrgica - Estufamento - Flatulência Sabendo que os gases no trato digestivo atrapalham os exames abdominais de imagem e a simeticona facilita a eliminação dos gases, Luftal Max pode ser usado na preparação do paciente a ser submetido à endoscopia digestiva e/ ou colonoscopia.

Contra-indicações de Luftal Max

Luftal Max é contra-indicado para pacientes com hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula. Luftal Max é contra-indicado aos pacientes com perfuração ou obstrução intestinal suspeita ou conhecida.

Advertências

Não exceda a dose recomendada.

Uso na gravidez de Luftal Max

Ponderando-se evidências adequadas, este medicamento representa risco mínimo quando usado em mulheres grávidas ou com suspeita de gravidez. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Interações medicamentosas de Luftal Max

Não são conhecidas interações de Luftal Max com outros medicamentos ou alimentos.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Luftal Max

A simeticona não é absorvida pelo organismo. Ela atua somente dentro do aparelho digestivo, e é totalmente eliminada nas fezes, sem alterações. Portanto, reações indesejáveis são menos prováveis de ocorrer. ? Risco de eczema de contato; ? Em casos raros: reações imediatas como urticaria e broncoespasmo.

Luftal Max - Posologia

Luftal Max pode ser administrado 4 vezes ao dia, após as refeições e ao deitar, ou quando necessário. Não é recomendada a ingestão de mais de 500 mg (4 comprimidos ou cápsulas) de Luftal Max por dia.

Superdosagem

Experiência de superdose após a comercialização é limitada, sendo registrada com ou sem sintomas. Sintomas podem incluir diarréia e dor abdominal. Caso ocorra ingestão excessiva, o paciente deve ser observado e medidas adequadas de suporte devem ser consideradas, se necessário.

Características farmacológicas

Farmacologia Luftal Max, cujo componente ativo é a simeticona, é um silicone antiespumante com ação antiflatulenta, que alivia o mal-estar gástrico causado pelo excesso de gases. Farmacocinética A simeticona atua localmente, o que significa que ela não é absorvida. Desta forma, estudos de farmacocinética são inviáveis com a droga, cujo mecanismo de ação foi demonstrado in vitro em alguns estudos. Ação Luftal Max (simeticona) reduz a tensão superficial das bolhas de ar presentes no trato gastrointestinal, permitindo que as mesmas se desfaçam ou que ajudem na formação uma grande massa de ar a qual é expelida facilmente por meio de eructações ou flatos.As propriedades antiespumantes da simeticona, um agente antiflatulento, foram investigadas por Brecevic et al8 em três diferentes sistemas espumantes contendo surfactante aniônico, surfactante aniônico e solução de sabão. Os resultados obtidos das medidas da densidade da espuma inicial, estabilidade da espuma e tensão superficial fornece evidências de que ligação entre o filme liquido dos surfactantes pela simeticona, auxiliado e acelerado pela presença de partículas hidrofóbicas de sílica, provocando, então, a ruptura do filme mesmo ele relativamente fino, foi o provável mecanismo de inibição de espuma em todos os sistemas. O efeito foi mais pronunciado no sistema com solução catiônica do que as soluções aniônica e sabão. Esses achados contribuem para o estudo que relaciona a eficácia da simeticona como antídoto e agente antiespumante em casos de ingestão e envenenamento por detergente.

Resultados de eficácia

Utilização da simeticona na prevenção do desconforto abdominal pós-operatório Avramovic et al realizaram um estudo duplo cego foi realizado em pacientes com secção cesariana para estudar o efeito da simeticona sobre os sinais subjetivos e objetivos de distensão por gás durante o período pós-operatório. Os resultados obtidos com a simeticona demonstraram uma redução significativamente alta das reclamações subjetivas analisadas (náusea, vômitos, meteorismo, desconforto no estômago, dores abdominais) assim como movimentos peristálticos e flatulência em relação ao placebo. Com base nos resultados obtidos e considerando a não-toxicidade da droga, sua característica de ser inerte quimicamente, boa tolerância e uso simples, os autores consideraram a simeticona muito útil na prevenção da terapia do desconforto pós operatório devido ao acúmulo de gás e distinção gastrointestinal após secção cesariana9. - Eficácia da simeticona na melhora da visibilidade durante a colonoscopia A eficácia da simeticona em melhorar a visibilidade durante a colonoscopia foi avaliada por Sudduth RH et al 10. Eles estudaram 86 pacientes recebendo tanto simeticona (n=42) ou placebo (n=44). Este estudo indica que o uso de simeticona combinado com uma preparação de fosfato de sódio pode melhorar a visibilidade do colônica diminuindo a presença de bolhas. Melhor visualização pode aumentar a detecção de lesões patológicas na mucosa.

Modo de usar

Luftal Max cápsulas gelatinosas deve ser engolido, não devendo ser mastigado. As cápsulas gelatinosas são moles e fáceis de engolir. Luftal Max comprimidos mastigáveis não deve ser deglutido por inteiro, mas sim mastigado completamente.

Uso em idosos, crianças e em outros grupos de risco

Não há recomendações especiais para pacientes idosos. Luftal Max não é recomendado para pacientes pediátricos

Armazenagem

Luftal Max comprimidos mastigáveis deve ser conservado à temperatura ambiente (entre 15ºC e 30ºC). Luftal Max cápsulas gelatinosas deve ser conservado ao abrigo do calor excessivo e da umidade. A presença de um conteúdo interno opaco nas cápsulas gelatinosas é característica normal do produto.

Luftal Max - Informações

Luftal Max atua no estômago e no intestino, diminuindo a tensão superficial dos fluidos digestivos, rompendo ou dificultando a formação de bolhas gasosas que retêm os gases e que provocam flatulência e dores abdominais.

Dizeres legais

no do lote, data de fabricação e data de validade: vide cartucho. Reg. MS- 1.0180.0120 Farm. Bioq. Resp.: Dra Tathiane Aoqui de Souza CRF-SP nº 26.655 Fabricado por: Luftal Max Cápsulas Gelatinosas Catalent Brasil Ltda ? Sorocaba ? SP Luftal Max Comprimidos Mastigáveis Bristol-Myers Squibb Farmacêutica S.A. Rua Carlos Gomes, 924 ? Santo Amaro ? São Paulo ? SP CNPJ: 56.998.982/0001-07 Indústria Brasileira Embalado por, Distribuído por: Bristol-Myers Squibb Farmacêutica S.A. Rua Carlos Gomes, 924 ? Santo Amaro ? São Paulo ? SP ***Serviço de Atendimento ao Consumidor ***0800 727 6160 ***sac.brz@bms.com ***www.bristol.com.br

Bulário Eletrônico

Bulário 4medic, contém tudo o que é preciso saber sobre o remédio como indicações, dosagem/posologia, efeitos colaterais, contraindicações, advertências, precauções e armazenamento de forma simples e intuitiva.